Opinião

Maioria das crianças brasileiras vive na pobreza

Seis em cada dez crianças no Brasil vivem na pobreza, de acordo com estudo inédito apresentado nesta terça-feira (14) pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef). São crianças e adolescentes até 17 anos que são monetariamente pobres e/ou estão privados de um ou mais direitos, como educação, informação, água, saneamento, moradia e proteção contra o trabalho infantil.

Leia opiniões sobre outros assuntos.

Últimas notícias

O fim da poluição visual

14/08/2018

A prefeitura deflagrou uma operação de fiscalização, controle e retirada de placas e outdoors da cidade, nos casos em que representam pura poluição visual e cênica. Desde 2013 não ocorria algo parecido e, concordemos, passou tempo demais. Isto deve e precisa ser mais constante.

O Brasil virou uma mixórdia legal incompreensível

14/08/2018

No Brasil, leis sem fiscalização e até leis sem efeito prático existem aos montes. Poderíamos citar as mais óbvias e importantes, como a própria Constituição, burlada pelo todos os dias pelo STF ou os códigos de Trânsito e outros tantos; estatutos como o da criança e adolescente, do idoso e vamos por aí. Só fita, só enfeite.

Prazo final de definir candidatos é nesta quarta

14/08/2018

Além disso, os partidos políticos devem atentar para o último dia para providenciar a abertura de conta bancária específica destinada à movimentação de recursos na campanha eleitoral. O último dia para os partidos políticos e as coligações apresentarem à Justiça Eleitoral o requerimento de registro de candidatos é nesta quarta.

João Rodrigues liberado da prisão para registrar candidatura

14/08/2018

O deputado foi condenado pela segunda instância da Justiça Federal a cinco anos e três meses de prisão por dispensa irregular de licitação, quando ocupou o cargo de prefeito de Pinhalzinho (SC). Ele teve a pena confirmada pelo STF em fevereiro deste ano e iniciou o cumprimento da condenação.

Chacina de Canasvieiras foi vingança por dívidas

13/08/2018

As mortes foram uma forma de vingar os débitos acumulados por Leandro Gaspar Lemos, 44, com um dos suspeitos envolvidos no crime, afirmaram os responsáveis pelas investigações. O patriarca Paulo Gaspar Lemos respondia a quatro inquéritos por estelionato.

Perseguição, tiroteio e prisão

12/08/2018

A Polícia Militar de Camboriú, com apoio do 12. Batalhão de Balneário Camboriú, prendeu dois criminosos na noite deste sábado, dia 11 de agosto, após troca de tiros e uma perseguição, durante a Operação 4000. Os dois criminosos têm extensa ficha na polícia.

Ver todas as notícias