Opinião

STF manda soltar Eike Batista

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes mandou soltar nesta sexta (28) o empresário Eike Batista, preso no fim de janeiro na Operação Eficiência, um desdobramento da Lava Jato. O empresário é réu na Justiça Federal do Rio por corrupção ativa, lavagem de dinheiro e organização criminosa.

Leia opiniões sobre outros assuntos.

Últimas notícias

Guerra contra a BCPort

28/04/2017

Há toda uma força contra um projeto de criação de um porto turístico privado em Balneário Camboriú, através da empresa BCPort. Por todas as formas busca-se criminalizar a intenção. Ora, havendo qualquer obstáculo, as próprias autoridades cuidarão de encontrá-los e, neste caso, ao natural, o porto não seria viabililzado.

GMA aplica torniquete na Rua Corupá

28/04/2017

a Operação no trecho da Rua Corupá com a 6ª Avenida foram feitas 27 abordagens, 06 autuações e 02 remoções. Já no trecho entre a 5ª Avenida e a Marginal foram 20 abordagens, 04 autuações e 01 remoção. As operações foram realizadas das 21h às 00h30.

Nitz garante ênfase ao Plano Diretor

27/04/2017

Ao tomar posse como presidente do Sinduscon na noite desta quarta-feira, o engenheiro Nelson Nitz garantiu que dará prioridade ao acompanhamento do Plano Diretor de Balneário Camboriú.

Assustadora violência em Florianópolis

26/04/2017

É que só muita polícia não resolve: é preciso mudar o resto, o arcabouço legal, a estrutura, a raiz. Os investimentos sociais na criança, na juventude, na procura de oportunidades, na mudança de vida, nas perspectivas sociais. Do jeito que está, os bandidos oferecem mais que o Estado e conquistam.

Por que não uma cadeia pública municipal?

26/04/2017

Se os municípios, como Balneário Camboriú e Florianópolis, mantêm uma Guarda Armada, com o devido custo e à guisa de defender o cidadão e complementar o trabalho da polícia estadual, precisam mudar a nomenclatura e trabalhar para alterar o conceito constitucional: Guarda é Guarda e Polícia é Polícia.

Vereador Bola diz que prefeito pode ter cometido crime de responsabilidade

26/04/2017

Prefeito publicou decretos com créditos suplementares à Emasa (R$ 17,5 milhões), mas segundo o vereador está incorreto: deveria ser por projeto de lei.

Comentário do dia Mais
Entrevista

Mais