Como ligar mais esgoto sem LAO?

Marcelo Achutti criticando pesado ações da Emasa e Aresc (Agência Reguladora), na sessão de ontem (6) da Câmara Municipal. Tarifa progressiva, falta de LAO (Licença Ambiental de Operação) para todo o sistema de esgoto da cidade e demora na implantação da rede de esgoto nas Praias Agrestes foram assuntos focados. A Aresc não age e a Emasa não conclui, segundo Achutti. E a Fatma faz vista grossa. Estes os alvos do vereador. Aliás, repito, líder do governo (amigos, amigos, negócios à parte?). Finalmente, bom perguntar: falta de licença de operação permite ligação de mais rede na ETE (Estação de Tratamento de Esgoto)? Se sim, pra que licença? Se não, por que estão anunciando a ligação futura das Praias Agrestes à rede geral? Se a LAO não for aprovada, apenas não pode. Simples assim.