Liberada licença prévia para alargamento da praia

O Instituto do Meio Ambiente (ex-Fatma) aprovou, nesta quarta-feira, 4, a licença prévia para o projeto de alargamento da faixa de areia de Balneário Camboriú e construção do Molhe da Barra Norte (Pontal/Rio Marambaia). A licença tem mais de 70 páginas de pareceres e considerações.

De acordo com o presidente do Instituto, Alexandre Waltrick, o processo é complexo, mas foram feitos os ajustes necessários para se chegar à sua aprovação nesta primeira etapa (LAP). Ainda faltam, de acordo com as regras burocráticas para a concretização efetiva da obra e sua entrega ao uso, a LAI (Instalação) e LAO (Operação).

NOVO PATAMAR

Segundo o prefeito Fabrício Oliveira, já há a garantia de recursos federais para realizar a obra que inclui, além do alargamento da faixa de areia (R$ 110 milhões), também a implantação de equipamentos e melhorias ao longo da orla central (R$ 90 milhões).