Apesar de tudo, Doria lidera em São Paulo

João Doria (PSDB), ex-prefeito de São Paulo, lidera a disputa pelo governo do estado, mostra o Datafolha. Em um dos cenários pesquisados, o tucano aparece com 29% das intenções de voto, seguido por Paulo Skaf (MDB), presidente da Fiesp (Federação das Indústrias de São Paulo), com 20%. 0 atual governador de São Paulo, Marcio França (PSB), tem 8%, empatado com Luiz Marinho (PT), exprefeito de São Bernardo do Campo, que marca 7%. Sem Skaf na disputa, Doria chega a 36%. Os sem candidato (votos brancos, nulos e “não sabe”) vão de 31% a 38%. Rogério Chequer (Novo), Lisete Arelaro (PSOL) e Alexandre Zeitune (Rede) estão em uma faixa de 1% a 3%. Líderes da pesquisa, Skaf e Doria também têm os maiores índices de rejeição: 34% dizem que não votariam “de jeito nenhum” no presidente da Fiesp, e 33%, no ex-prefeito paulistano. Doria comandou a capital por um ano e três meses. Ao deixar o cargo, atingiu sua maior reprovação: 47% dos paulistanos consideram sua gestão ruim ou péssima (eram 39% em novembro) e 18% classificam como ótima ou boa (eram 29%). Para 66%, ele agiu mal ao renunciar.