PM adota rotina de abordagens preventivas em BC

A busca por qualidade de vida e segurança pública estão entre os fatores decisivos para escolher uma cidade, tanto para morar quanto para passear.

O 12º Batalhão da Polícia Militar de Santa Catarina utiliza as abordagens preventivas como uma das estratégias para reduzir a criminalidade em Balneário Camboriú, e isso tem surtido efeito, tornando a cidade uma referência nesse aspecto.

As abordagens são realizadas em situações em que a pessoa apresenta um comportamento suspeito. A ação é amparada pelo artigo 244 do Código de Processo Penal e não precisa de mandado. Pode ser realizada por qualquer policial militar em qualquer horário e qualquer lugar. Denúncias feitas pelo 190 ou até mesmo através da Rede de Vizinhos, por exemplo, levam à abordagem e muitas vezes na prisão de foragidos ou flagrantes de armas e drogas.

No ano de 2017 foram realizadas 12.785 averiguações de pessoas suspeitas e, no primeiro semestre de 2018, já foram realizadas 7.727, mais da metade do equivalente do ano anterior.

As averiguações feitas pela Polícia Militar são realizadas com técnicas para garantir a segurança não só do abordado, mas de todas as pessoas que estão próximas, jamais para causar constrangimento.

(TEXTO: POLICIA MILITAR)