Ruth Cardoso nas mãos de uma OS

Foi publicado no último dia 31 de agosto o edital que visa selecionar Organização Social (OS) para gerenciamento, operacionalização e execução das ações e serviços de saúde no Hospital Municipal Ruth Cardoso e no Centro de Diagnose, em regime de 24 horas por dia.

As propostas feitas pelas Organizações Sociais (OS) devem ser protocoladas até o dia 05 de outubro de 2018 na Secretaria de Compras do Município. A terceirização objetiva agilizar e melhorar a qualidade do atendimento aos pacientes que utilizam os serviços prestados pelo Hospital e pelo Centro de Diagnose.

“O Ruth Cardoso continua sendo público, e caberá ao Município a fiscalização quanto à qualidade do atendimento aos pacientes e os serviços prestados. Nós vamos conseguir mais eficiência e mais celeridade na compra de insumos e equipamentos e na contratação de serviços porque a gestão privada não está sujeita à burocracia da gestão pública. A opção da contratação de uma Organização Social trará muitos benefícios para a Saúde, tanto na redução de custos, como também na possibilidade de aumento dos investimentos, tanto no Ruth Cardoso, como, também, na atenção básica que é uma prioridade para o governo”, explicou o prefeito Fabrício Oliveira. “Importante também salientar nossa atenção na qualidade do serviço que vai ser oferecido aos cidadãos, tanto no atendimento, quanto em equipamentos, em leitos e na resolutividade dos processos”, completou.

Segundo a secretária de Saúde Andressa Hadad, a busca é pelo melhor projeto técnico apresentado pelas concorrentes. “Seguindo a orientação do prefeito, nós estamos primando muito pela qualidade do serviço que vai ser ofertado. As metas do hospital estão 'linkadas' ao plano operativo que vai nos nortear na avaliação da Organização Social vencedora do processo. Uma Comissão de Avaliação e Fiscalização (CAF), ficará no hospital e fará o acompanhamento do plano operativo e a fiscalização tendo acesso total à documentação. A pesquisa de opinião dos pacientes também será avaliada pela CAF para acompanhar o serviço prestado", disse a secretária.