SC sem data para retorno das aulas presenciais nas escolas

Em sessão da Assembleia Legislativa, Secretário da Educação diz que ainda não há previsão de retorno às aulas presenciais.

Ele reforçou ainda que a decisão do retorno será em bloco único para todos os setores da Educação e que a liberação do transporte escolar estará condicionada ao início das aulas presenciais.

Para o secretário, as aulas não presenciais estão atendendo a demanda, mesmo que 18% dos 540 mil estudantes matriculados na rede pública do Estado e 8% dos professores não tenham acesso à Internet. Para os estudantes com acesso restrito ou sem acesso à internet, ele assegurou que há entrega de materiais impressos semanal ou quinzenalmente nas escolas para os estudantes, pais e responsáveis.

Sobre a merenda escolar, questionamento feito pelos deputados pela preocupação de muitos alunos necessitarem desta alimentação, o secretário disse que em uma ação reunindo esforços com as pastas da Agricultura e da Assistência Social, a Secretaria de Estado da Educação delineou a logística para entrega de kits de alimentação escolar a todos os alunos da rede estadual de ensino.

A primeira etapa de entregas dos kits de alimentação escolar entregues pela Secretaria de Estado da Educação foi realizada entre 16 de abril e 8 de maio. Foram 50 mil kits de alimentos aos estudantes cujas famílias estão cadastradas no programa Bolsa Família, respeitando o critério de carência. Os produtos eram os que a secretaria tinha em estoque.

Os alimentos para a segunda etapa estão sendo adquiridos integralmente da agricultura familiar catarinense e a segunda etapa de entregas está em fase de operacionalização, informou o secretário. “O início da entrega depende da conclusão de licitação de empresa com centros de distribuição regionais para a distribuição e separação dos kits. As Coordenadorias Regionais de Educação são responsáveis por elaborar os calendários para as 548 escolas que são pontos de entrega. Os calendários para a distribuição dos alimentos são divididos por regiões e serão divulgados no site e mídias sociais da secretaria.