SC dá exemplo nacional na penitenciária de Curitibanos

Atualmente, o Brasil possui a quarta maior população carcerária do mundo, com 607 mil presos. Nos últimos 10 anos, o número de presos dobrou no País. O aumento das vagas em prisões, por outro lado, cresceu de forma insuficiente, gerando superlotação nos presídios e precariedade no tratamento dos presos, o que abriu espaço a facções criminosas.

Os mais jovens, de 18 a 29 anos, representam 56% dos presos. Entre eles, a baixa escolaridade é crônica: 53% não completaram o ensino fundamental e 6% são analfabetos. Por outro lado, apenas 9% dos detentos possui ensino médio completo ou superior.

Mas, diante deste quadro ruim, SC tem o mais belo exemplo do país de como administrar uma penitenciária e ressocializar presos. É a penitenciária de Curitibanos. Leia mais clicando no linck adiante:

(MATÉRIA COMPLETA SOBRE O ASSUNTO AQUI)