Pesquisas que enganam eleitores e pretensos candidatos

Candidatos começam a surgir em pesquisas extemporâneas, fora dos espaços de decisão, no claro propósito de angariar possibilidades. As mesmas pesquisas cujos resultados, em eleições anteriores, indicaram impossibilidades na hora do voto e apresentando, agora, os mesmos nomes, resumindo-se a quem, inclusive, nem declarou candidatura. 

É um joguinho manjado. Mas tem um detalhe: querendo induzir e enganar o eleitor, enganam a si próprios, por saberem ser uma tentativa de engodo, de isca mal enjambrada. 

Este filme já passou.