Prosseguirá obra da rede de água para Praias Agrestes

Finalmente, a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), autorizou a escavação não destrutiva sob a BR-101 para a implantação da tubulação que levará água tratada às Praias Agrestes.

"A obra da rede de água encanada na região da Interpraias é uma reivindicação antiga da comunidade e deveria ter sido concluída em 2015, conforme a previsão inicial. E agora com as devidas autorizações, não vamos medir esforços para entregar essa obra o quanto antes para a comunidade", destacou o prefeito Fabrício Oliveira.

Um acordo entre a Empresa Municipal de Água e Saneamento (EMASA) e a Autopista Litoral Sul, vai ser firmado para a licitação da obra. Hoje as Praias Agrestes são abastecidas precariamente através de poços artesianos ou de caminhões-pipa, sendo uma parte também abastecida pela empresa Águas de Itapema, também precariamente, pois aquela empresa não permite instalação de novas ligações. No caso, trata-se de uma situação criada desde os tempos da Casan e que se encerrará com a implantação do sistema de abastecimento das localidades.

Também serão concluídas as obras de construção de dois reservatórios próprios para as Praias Agrestes, com capacidade total de dois milhões de litros.

Segundo a prefeitura, as obras de instalação da rede de água serão concluídas até a próxima temporada de verão. Quanto à rede coletora de esgotos, ainda não há prazo.