Guerra UBER x Taxistas

Depoimentos de pessoas próximas revelam que houve aconselhamentos aos vereadores do PSB, proponentes da audiência pública para debater a legalização do UBER em Balneário Camboriú. Todas no sentido de evitarem o debate neste momento. Por todas as razões, hora foi indevida, pois nada há de concreto a respeito, apenas uma tecnicidade fria, advinda de preceitos legais. E disso os taxistas não querem saber. Como disse Rafael Weiss, jornalista e um dos conselheiros pela sensatez e pela extemporaneidade da proposta, "um tiro no pé". Realmente.

Algo ressalta, claro: se os taxistas prestassem um bom serviço na mais ampla acepção - gentileza, eficiência, preço, rapidez, disponibilidade e qualidade -, o UBER simplesmente não teria como se sobressair. Ao menos neste momento, pois ao longo do tempo muitas coisas surgem, assim como, tecnologicamente, todos conhecemos o que ocorreu no mundo em tantos setores, no curso dos séculos 20 e, agora, 21. Nem precisa referenciar.

Ficar parado e reclamando não é uma boa postura. 

A propósito da sessão da noite passada, o vereador Leonardo Piruka (PP), que defende abertamente o UBER, foi hostilizado por taxistas presentes - que tomaram as galerias para pressionar e prevalecer. Disse Piruka, em nota oficial elaborada por sua assessoria:


Piruka defende UBER em audiência pública e é hostilizados por taxistas.

Na noite desta sexta-feira (31), a câmara de vereadores de Balneário Camboriú realizou uma audiência pública sobre o UBER. 

Quase a totalidade das pessoas presentes nesta audiência pública eram taxistas ou motoristas auxiliares, e ditaram o tom da conversa. 

Durante a explanação dos membros da comunidade, alguns taxistas, inclusive o presidente da associação dos taxistas, teceram duras críticas ao vereador Piruka, que há alguns dias apoiou nas redes sociais o aplicativo UBER. 

Em seu vídeo, Piruka se solidarizava com o motorista UBER agredido por um taxista e afirmava que cumpriria sua agenda naquele dia de UBER e não com seu carro particular. O vídeo já tem mais de 40 mil visualizações em seu Facebook. 

Ao final da audiência, Piruka ao usar a palavra falou: "Sou funcionário do povo de minha cidade e não de apenas um segmento. Defendo a livre concorrência e não me amedrontarei neste debate. Sou a favor do UBER. Os taxistas precisam evoluir, pois a sociedade está evoluindo." 


* Como diz o povo: aceitem que doi menos.