Uma esculhambação perigosa

Em setembro de 2015, a Defesa Civil de BC, a pedido do condomínio do bloco 4 do conjunto habitacional construído na Sexta Avenida no governo de Rubens Spernau. fez uma inspeção no local.

Desde sua inauguração, há 10 anos (em 2015), moradores retirados das margens do rio ao longo daquela via estavam esperando regularização. Pois ainda não haviam recebido a documentação de posse e se declararam abandonados pelo poder público. Ali, diziam, faltava iluminação, segurança, prevenção de incêndios e a falta de acesso ao sistema de esgoto.

O malsinado Bloco 4, razão da reclamação, teve seu esgoto ligado à rede pluvial e na parte interna do esgoto, devido à má instalação da época, tudo estava danificado e o esgoto fluia a céu aberto.

Ofício informando sobre isso foi remetido à Emasa no dia 17 de setembro de 2015 e se sabe que, hoje, há gestões no sentido de resolver, mas não se sabe qual resultado. 

Entretanto, causa espécie uma situação dessas porque, após 10 anos, piorando a cada dia, nada se fez. Rememorando o fato de ter sido construído o conjunto habitacional com os problemas instalados. Ou seja, sabendo-se que a ligação de esgoto inexistia e as instalações eram inadequadas. Mas foi inaugurado festivamente, como solução social importante e definitiva. Aguardam-se soluções.

Quantos haverá iguais ou até piores?