Dois terços dos acidentes de trânsito são causados por motos

Brasil: diminui o número de acidentes, aumenta o número de mortes no trânsito.

Os números são do DPVAT (seguro obrigatório de automóveis) de 2017. Durante cinco anos as mortes reduziram, mas em 2017 houve um crescimento de 23%. A maioria com envolvimento de motocicletas (76% dos acidentes registrados).

Em 2017, foram 41.151 vítimas de acidentes de veículos automotores, ante 33.547 em 2016. Essa violência provocou um reflexo de R$ 199 bilhões na economia, valor que corresponde ao que seria gerado pelas vítimas, caso não tivessem se acidentado, segundo dados do Centro de Pesquisa e Economia do Seguro (Cpes), órgão da Escola Nacional de Seguros.

O número de acidentes, no entanto, apesar do número de vítimas elevado, está caindo: 763,4 mil em 2014, contra 384 mil em 2017.

Em anexo, quadro mostra o número de acidentes com cobertura DPVAT, número de mortes, número de casos de invalidez permanente e número de casos com sequelas permanentes. Apenas 19% dos acidentes são causados por automóveis e 75% do acidentes envolvem homens.

(DE ACORDO COM DADOS DE REPORTAGEM DO JORNAL "O ESTADO DE SÃO PAULO" DE 13/05/2018)