O pau fechou entre ex-prefeito e vereador governista

O ex-prefeito Edson Piriquito (MDB), disparou na sua página virtual um pesado libelo contra o atual governo municipal, com críticas diretas a empresários que apoiaram a eleição de Fabrício. Abordou a situação do Hospital Ruth Cardoso, principalmente, objeto de muitas matérias negativas na imprensa local. Diz ele:

Dois anos de Gestão da dupla da "renovação" política de BC financiada pelo grupo dos 12 que é capitaneada pelo Pastor dos Venezuelanos, pelo Julinho do Restaurante Chaplin e pelo Masita da Volkswagem (CAMVEL).

Atual situação (domingo 11 de novembro 2018): as fotos revelam o caos instalado na saúde pública! Pessoas internadas nos corredores do Hospital Ruth Cardoso, sem falar que o tomógrafo está quebrado há mais de 3 meses, a torre de videolaparoscopia está incompleta, o ultrassom está quebrado e dizem que tem leito de UTI fechado por falta de respiradores suficientes.

Passaram a operar vesícula através do método tradicional de cirurgia de corte enquanto poderiam fazer por vídeo. Pessoas, especialmente mulheres carregarão a cicatriz da cirurgia por toda a vida enquanto ela poderia não existir se fosse feita por vídeo, além da diminuição dos riscos de infecção e do menor tempo de recuperação.

No hospital privado, lá no Einsten deve estar tudo bem, né, Julinho e Masita? O povo está sofrendo aqui aonde vocês não vão. Olha a "M" que vcs fizeram se metendo na política.

Julinho, tem mais, vou falando aos poucos, mas pede pro teu vereador cuidar disso e respeitar a leitura da Bíblia. No meu tempo de vereador não tinha TV Câmara e nem cobertura da imprensa nas Sessões, mas era motivo de orgulho ser escolhido pelo saudoso vereador Santa para ler a Biblia na abertura das Sessões.

Obs.: Agora o mínimo que vcs podem fazer é se reunir e ajudar a desfazer a caca que vcs fizeram. Se envergonhem e se mexam.

Em nome do governo, embora não esteja muito clara essa condição, o vereador Gelson Rodrigues respondeu ao ex-prefeito e também disparou acusações e denúncias. Diz Gelson na sua página do Facebook:

NOTA DE ESCLARECIMENTO:

Sobre o que o ex-prefeito falou a respeito do Hospital Ruth Cardoso é preciso esclarecer ao cidadão que os aparelhos estão em conserto. No entanto, ressaltar que nenhum paciente ficou sem esses exames. Todos foram encaminhados aos hospitais da região. E o processo de manutenção das peças segue o rito legal, primando pela transparência e pela legalidade para evitar que aconteça como no passado, onde houve uma CPI da Cruz Vermelha, no Ruth Cardoso, onde foram constatadas mais de 70 irregularidades. Já a UTI adulto, funciona normalmente, ao contrário do que foi divulgado.

Aliás, é bom lembrar que o desgaste desses equipamentos se dá devido a uma grande demanda de atendimento no hospital. São cerca de 9 mil atendimentos mensais. Sessenta por cento deles para pacientes de fora do município. Situação essa que o ex-prefeito era ciente mas mesmo tendo ocupado o cargo de secretário de Desenvolvimento Regional, foi incapaz de buscar recursos para o hospital junto ao Estado, para reduzir essas despesas.

Ele bem sabe que a gestão financeira do hospital é feita, só pela nossa cidade, a custo de muitos outros investimentos. Ainda no assunto "Saúde", o que falar da Upa das Nações, que foi feita com tantas inconformidades, que a Anvisa não autoriza a abertura de jeito algum. Isso é gestão? É eficiência?

Ah, falando em gestão, difícil é explicar porque a Passarela da Barra, que tem 190 metros custou R$ 30 milhões e a ponte da Marginal, que começa a ser construída, de 426 metros, custa os mesmos R$ 30 milhões. Poderia discorrer muito, em todas as áreas, mas finalizo dizendo que nesse governo não há gestores com bens bloqueados, tampouco operações policiais porque apesar de termos desafios em áreas sensíveis como a Saúde, tratamos dos problemas com responsabilidade e seriedade que a população merece.

Atenciosamente:

Vereador Gelson Rodrigues - Vice Presidente da Câmara De Vereadores de Balneário Camboriú - Líder da bancada do PSB - Líder do Governo - Presidente da Parlaamfri - Presidente da Escola do Legislativo

===

Pelo jeito, começou a campanha para 2020. Da maneira mais belicosa possível.